EF07HI05 - A Reforma protestante 7ºano - Exercício com gabarito

Segundo o historiador Jean Delumeau, em seu livro A civilização do Renascimento, a Reforma protestante foi desencadeada por divergências de cunho político e teológico no interior da Igreja católica. Quais foram as principais críticas apresentadas à Igreja católica por Lutero?

Habilidade avaliada
EF07HI05: Identificar e relacionar as vinculações entre as reformas religiosas e os processos culturais e sociais do período moderno na Europa e na América.

Orientações para o professor
Para responder, os estudantes devem considerar que a Reforma protestante foi um movimento que questionou a Igreja católica tanto no plano laico (as condutas dos clérigos) como nos preceitos teológicos. Os debates teológicos e as discordâncias em torno de fundamentos religiosos eram comuns no interior da intelectualidade clérica. Entretanto, a Igreja católica passava por uma crise desde o Concílio de Constança (1414-1418), que fortaleceu grupos que denunciavam a corrupção entre o clero e pedia por reformas. Nesse contexto, as teses de Lutero e a reação negativa da igreja a elas tiveram grande repercussão. No plano teológico, Lutero propunha a doutrina da predestinação, que entendia que os seres humanos já nasciam predestinados a se salvarem ou não. Essa tese contrastava com a ideia de salvação em vida do catolicismo, que fundamentava a prática da indulgência. Lutero também propunha medidas para aproximar a igreja dos fiéis, como a tradução da Bíblia e das missas do latim para as línguas nacionais e a defesa da livre interpretação da Bíblia. 


Nenhum comentário:

Postar um comentário