Plano de aula - Português - 2ºano - Habilidades: EF02LP01, EF02LP03, EF02LP09, EF02LP15


Título: Travando a língua

Objetivos de aprendizagem 
Expressar-se oralmente com autoconfiança.

Objeto de conhecimento: Constituição da identidade psicossocial, em sala de aula, por meio da oralidade.
Habilidade trabalhada: (EF02LP01) Expressar-se em situações de intercâmbio oral com autoconfiança (sem medo de falar em público), liberdade e desenvoltura, preocupando-se em ser compreendido pelo interlocutor e usando a palavra com tom de voz audível, boa articulação e ritmo adequado.
Escutar e participar com atenção de atividades escolares.

Objeto de conhecimento: Regras de convivência em sala de aula.
Habilidade trabalhada: (EF02LP03) Escutar, com atenção e compreensão, instruções orais ao participar de atividades escolares.
Ler trava-línguas silenciosamente e em voz alta.

Objeto de conhecimento: Fluência de leitura para a compreensão do texto.
Habilidade trabalhada: (EF02LP09) Ler, com autonomia e fluência, textos curtos, com nível de textualidade adequado, silenciosamente e, em seguida, em voz alta.
Conhecer e identificar a origem dos trava-línguas.

Objeto de conhecimento: Reconstrução das condições de produção e recepção de textos. 
Habilidade trabalhada: (EF02LP15) Identificar a função sociocomunicativa de textos que circulam em esferas da vida social, reconhecendo para que foram produzidos, onde circulam, quem produziu, a quem se destinam.

Tempo previsto: 150 minutos (3 aulas de aproximadamente 50 minutos cada)

Materiais necessários:
Cinco trava-línguas diferentes impressos em letras de imprensa maiúsculas; vários trava-línguas diferentes impressos em letra de imprensa maiúscula e uma folha grande de papel kraft.

Desenvolvimento da sequência didática

Etapa 1 (Aproximadamente 50 minutos / 1 aula) 
Antecipadamente, providencie cinco trava-línguas impressos e escritos em letras de imprensa maiúsculas.
Inicie a aula perguntando aos alunos se eles conhecem algum trava-língua ou se já ouviram falar sobre esse tipo de texto. É importante destacar que os trava-línguas fazem parte da cultura popular, tendo sido criados pelo povo e passados de geração em geração, por meio da oralidade. Por isso, não é possível saber quem os criou.
Antes de iniciar a leitura dos trava-línguas, explique aos alunos sobre a importância de escutar atentamente os textos e participar de forma ativa das atividades que serão propostas. Em seguida, leia de forma expressiva os trava-línguas e pergunte aos alunos o que acharam dos textos, se gostaram ou não, e qual o motivo; qual é a principal característica desses textos (apresentam letras e/ou sílabas repetidas de difícil pronúncia); e como devem ser recitados (de forma mais rápida).
Depois, pergunte quais a turma já conhecia. Direcione as respostas de modo que os alunos se expressem oralmente e com autoconfiança. Caso haja alunos que conheçam alguns dos trava-línguas, incentive-os a recitá-los para os colegas.
Após essa apresentação, guarde os trava-línguas, pois serão utilizados na próxima etapa.

Etapa 2 (Aproximadamente 100 minutos / 2 aulas)
Antecipadamente, providencie diversos trava-línguas (um para cada dupla ou trio de alunos, se possível diferente dos lidos na aula anterior) impressos em letra de imprensa maiúscula e papel kraft. 
Inicie a aula relembrando os alunos dos trava-línguas apresentados na aula anterior e pergunte se eles recordam dos textos recitados. Se algum deles se lembrar, peça que recite para os colegas. Caso não se recordem, leia os textos em voz alta para a turma, a fim de auxiliá-los a relembrar.
Em seguida, forme duplas e entregue um trava-língua para cada uma. Oriente os alunos a fazerem uma leitura silenciosa e pausada do texto. Após essa primeira leitura, instrua-os a aumentar gradativamente o ritmo de leitura e a ler em voz alta. Peça a eles que repitam a leitura quantas vezes forem necessárias para alcançar o objetivo do gênero trabalhado, travar a língua. Essa atividade é oportuna para desenvolver a autonomia e a fluência da leitura silenciosa e em voz alta. Além disso, incentiva o trabalho em grupo entre os alunos. Aproveite esse momento e circule entre as carteiras a fim de identificar quais alunos já conseguem ler de forma fluente e quais ainda apresentam dificuldades.
Após determinado tempo, promova um momento para que as duplas apresentem os trava-línguas para os colegas, a fim de que toda a turma conheça os textos e todos se divirtam enrolando a língua. Essa atividade proporcionará um momento de interação entre a turma.
Finalizadas as apresentações, recolha os trava-línguas e cole-os em uma folha de papel kraft, depois fixe-a no mural da sala de aula para que os alunos façam a leitura diariamente.

Avaliação
A avaliação deverá ser contínua, ocorrendo em todas as etapas da realização da sequência didática. Poderão ser avaliados a participação, o envolvimento dos alunos nas atividades, a fluência da leitura, a escuta e a participação atenta nas atividades e a expressão oral.
Durante o desenvolvimento do estudo e das atividades, observe: 

• O aluno é capaz de ler com fluência os trava-línguas?
• O aluno expressa-se oralmente com autoconfiança?
• O aluno colabora com o colega nas atividades em duplas?

Além das observações, seguem algumas questões relativas às habilidades desenvolvidas nesta sequência didática.

1. A maioria dos trava-línguas é de origem popular. Explique o significado da expressão “origem popular”.
Essa expressão indica que os trava-línguas foram criados pelo povo e passados de geração em geração de forma oral, por isso não é possível saber quem os criou.

2. Que efeito os trava-línguas provocam ao serem declamados? Circule a resposta correta.
Os alunos deverão circular a palavra humor.

humor tristeza desânimo

Após o trabalho com a sequência didática, apresente aos alunos a autoavaliação a seguir. Se preferir, reproduza as questões na lousa para os alunos copiarem e responderem-nas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário