EF07GE03 - Povo Indígena Yanomami - Exercício 7ºano com gabarito

 

Analise o texto a seguir, publicado em 2014.

Após espera de 22 anos, o Povo Indígena Yanomami, na região do Ajarani, extremo leste da Terra Indígena Yanomami, em Roraima, recebeu a notícia da retirada do último fazendeiro que ocupava a área, no último dia 30 de maio. No total, doze fazendeiros foram indenizados para saírem da região do Ajarani, onde vivem hoje cerca de 80 índios Yawaripë, subgrupo da etnia Yanomami.

GOVERNO DO BRASIL. Índios Yanomami comemoram terra desintrusada.
Disponível em: <www.brasil.gov.br/cidadania-e-justica/2014/06/indios-yanomami-comemoram-terra-desintrusada>. 

Essa notícia pode ser considerada uma conquista para os povos indígenas em razão da dificuldade que eles têm de:

a) manter a posse das terras que lhes são de direito.

b) moldar seu modo de vida à cultura urbana.

c) cultivar as terras que lhes são dadas.

d) registrar todos os nascimentos que ocorrem na comunidade.

Objeto de conhecimento:
Formação territorial do Brasil

Habilidade:
(EF07GE03)
Selecionar argumentos que reconheçam as territorialidades dos povos indígenas originários, das comunidades remanescentes de quilombos, de povos das florestas e do cerrado, de ribeirinhos e caiçaras, entre outros grupos sociais do campo e da cidade, como direitos legais dessas comunidades.

Justificativas

a) O principal problema das comunidades indígenas brasileiras é o acesso à terra. Quando esses povos recebem a demarcação das propriedades, em muitos casos, elas estão ocupadas por latifundiários. Portanto, a principal dificuldade desses povos é manter a posse das terras que lhes são de direito.

b) Os povos indígenas não têm de se adaptar obrigatoriamente à cultura urbana, já que eles têm o direito de viver em suas terras originais.

c) A produtividade agrícola das terras não é uma dificuldade para os povos indígenas, uma vez que eles utilizam técnicas de plantação milenares.

d)  A principal dificuldade das comunidades indígenas não é o registro dos nascimentos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário