Exercício 7ºano - Cálculo de volume de blocos retangulares - EF07MA30

Joana estava pesquisando uma geladeira para sua casa nova e percebeu que o tamanho de quase todos os modelos que ela encontrou na internet era dado pela quantidade de litros que cabia no seu interior. Joana gostou da geladeira da figura, mas o anúncio informava somente as suas medidas de altura, largura e comprimento.

Desconsidere as divisões internas da geladeira e considere que 1 cm3 é igual a 0,001 L. Quantos litros cabem na geladeira que Joana gostou?

a) 162,0

b) 216,0

c) 364,5

d) 486,0

e) 648,0

Objeto de conhecimento:
Cálculo de volume de blocos retangulares, utilizando unidades de medida convencionais mais usuais.

Habilidade:
(EF07MA30)
Resolver e elaborar problemas de cálculo de medida do volume de blocos retangulares, envolvendo as unidades usuais (metro cúbico, decímetro cúbico e centímetro cúbico).

Grade de correção:

Orientações sobre como interpretar as respostas e reorientar o planejamento com base nos resultados
O aluno que erra essa questão tem dificuldade em calcular a medida do volume de um paralelepípedo por meio da multiplicação das suas dimensões, confundindo-se sobre a fórmula correta. Para melhorar a habilidade de resolver problemas de cálculo de medida do volume de blocos retangulares, leve para a sala de aula cubos de madeira cuja medida de comprimento da aresta seja igual a 10 cm. Leve também um balde cheio de água, com marcações de volume, para mostrar para os alunos que o cubo possui de fato 10 cm³ (pois a água vai subir 1 L). Mostre que o empilhamento dos cubos forma um paralelepípedo cuja medida de volume pode ser obtida por meio da multiplicação das suas dimensões. Para mostrar que a medida do volume é a que foi calculada pela fórmula, coloque o novo paralelepípedo no balde e mostre que o nível de água sobe na medida igual ao volume calculado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário