Avaliação diagnóstica Geografia 8ºano com gabarito e habilidades (PDF)

 

AVALIAÇÃO EM PDF PARA BAIXAR E SALVAR

GABARITO COMENTADO

Questão 1
Habilidades avaliadas
(EF07GE02)
Analisar a influência dos fluxos econômicos e populacionais na formação socioeconômica e territorial do Brasil, compreendendo os conflitos e as tensões históricas e contemporâneas.

(EF07GE05) Analisar fatos e situações representativas das alterações ocorridas entre o período mercantilista e o advento do capitalismo.

Respostas e comentário para o Professor
Os estudantes devem relacionar a atividade econômica realizada no Brasil com a Divisão Internacional do Trabalho e com as mudanças ocorridas no mundo, como também localizar essa produção para entender como se deu a ocupação do território brasileiro. As expectativas de resposta são as seguintes: a) A Revolução industrial criou demanda de matéria-prima (algodão) para a indústria têxtil na Europa; b) Séculos XVIII e início do XIX; c) Maranhão e Ceará; d) O acúmulo de riqueza pelos países europeus, o esgotamento de alguns recursos explorados por eles no território brasileiro, a industrialização tardia das ex-colônias (de exploração), sua permanência até hoje na DIT como fornecedora de matéria-prima e mão de obra barata etc.

Questão 2
Habilidade avaliada
(EF07GE03) Selecionar argumentos que reconheçam as territorialidades dos povos indígenas originários, das comunidades remanescentes de quilombos, de povos das florestas e do cerrado, de ribeirinhos e caiçaras, entre outros grupos sociais do campo e da cidade, como direitos legais dessas comunidades.

Resposta e comentário para o Professor
Espera-se que o estudante consiga fazer a leitura do mapa. Bahia, Maranhão, Minas Gerais, Pará e Rio Grande do Sul indicam a resposta correta. Pode-se aproveitar tanto para reforçar a definição do conceito como para relacionar a ocupação do território e a existência de comunidades quilombolas diversas. 

Questão 3
Habilidade avaliada
(EF07GE04) Analisar a distribuição territorial da população brasileira, considerando a diversidade étnico-cultural (indígena, africana, europeia e asiática), assim como aspectos de renda, sexo e idade nas regiões brasileiras.

Resposta e comentário para o Professor
Espera-se que os estudantes não tenham dificuldade em identificar o título do gráfico (“Distribuição da população indígena, por localização do domicílio segundo as Grandes Regiões – 2010”), no entanto, po-de-se aproveitar a oportunidade para, durante a correção no quadro de giz, trabalhar cada palavra do título, detalhando o que cada uma indica. A legenda traz apenas duas informações, indicando o total de habitantes indígenas que vive dentro e fora de suas terras, no Brasil e em cada região. Observa-se que no Nordeste e sobretudo no Sudeste há mais indígenas vivendo fora das terras indígenas, enquanto na região Norte a maioria vive nas terras indígenas. Na região Centro-Oeste a maior parte também vive em terras indígenas. Quanto à região Sul, há equilíbrio em tal divisão. Após verificar que todos tiveram com-preensão do gráfico, pode-se pedir aos estudantes que expliquem tal situação mostrada no mapa e espe-ra-se que os estudantes relacionem a situação do Sudeste com as taxas de urbanização e outras trans-formações antrópicas nos espaços geográficos da região. Em contrapartida, a região Norte e a Floresta Amazônica abrangendo a maior parte de seu território abrigam grandes áreas de terras indígenas.

Questão 4
Habilidade avaliada
(EF07GE09) Interpretar e elaborar mapas temáticos e históricos, inclusive utilizando tecnologias digitais, com informações demográficas e econômicas do Brasil (cartogramas), identificando padrões espaciais, regionalizações e analogias espaciais.

Gabarito: d
Comentário para o Professor
Verifique se todos os estudantes compreenderam as informações do mapa: produção de cana-de-açúcar por estado, em toneladas, indicada por cor, organizada em intervalos. Em seguida, a questão exigirá do estudante que ele saiba o nome e a localização dos estados brasileiros, que poderá revelar ao professor quais apresentam dificuldades quanto a essa informação.

Questão 5
Habilidade avaliada
(EF07GE10) Elaborar e interpretar gráficos de barras, gráficos de setores e histogramas, com base em dados socioeconômicos das regiões brasileiras.

Resposta e comentário para o Professor
Verifique se o estudante compreendeu que a questão pede para analisar a situação brasileira, em compa-ração com dois continentes: África e Europa. Espera-se que o estudante compare as informações em cada década. Devem identificar que as taxas de crescimento no Brasil foram se reduzindo a cada década, tendo em vista que eram as maiores no período 1950/1960. Na Europa a queda se deu até o final dos anos 2000, quando houve um pequeno crescimento, embora ainda conserve uma taxa bem menor que a do Brasil. A África teve aumento e depois queda das taxas, embora encerre o gráfico com a maior taxa e bem à frente dos demais. De qualquer modo, é possível identificar, a partir das três localidades observa-das, que as taxas de crescimento diminuíram em comparação com os meados e o final do século XX.

Questão 6
Habilidade avaliada
(EF07GE10) Elaborar e interpretar gráficos de barras, gráficos de setores e histogramas, com base em dados socioeconômicos das regiões brasileiras.

Gabarito: c

Comentário para o Professor
O gráfico revela que boa parte dos trabalhadores ocupados em estabelecimentos agrícolas possui um nível baixo de escolaridade, considerando que ou não frequentaram a escola ou concluíram apenas o primeiro ciclo do Ensino Fundamental, alguns concluindo também o segundo ciclo em EJAs ou sendo alfa-betizados após a idade considerada correta.

A despeito do aumento das vagas e do acesso às universida-des, o número de pessoas com curso superior ou com mestrado e doutorado ainda é baixo, mas certa-mente maior do que os contabilizados em censos anteriores. Pode-se aproveitar a questão para que os estudantes perguntem em casa o grau de escolaridade dos membros da família, possibilitando uma dis-cussão acerca do acesso aos estudos e da relação que os brasileiros estabelecem com o conhecimento escolar e científico.

Questão 7
Habilidade avaliada
(EF07GE10) Elaborar e interpretar gráficos de barras, gráficos de setores e histogramas, com base em dados socioeconômicos das regiões brasileiras.

Resposta e comentário para o Professor
Espera-se que os estudantes identifiquem que o gráfico traz a situação do trabalho com pessoas entre 10 e 17 anos, por regiões, comparando dados de 2000 e de 2010, revelando que de modo geral o número de pessoas ocupadas diminui. No entanto, é preciso caracterizar tal queda, pois ela não foi homogênea e mesmo em algumas regiões, como o Centro-Oeste e o Norte, parece ter havido um pequeno crescimen-to. Na região Sul a queda foi pequena em comparação com as regiões Sudeste e Nordeste, esta com a maior queda. Finalmente, dadas as variações regionais, na análise em escala nacional, o trabalho infantil apresentou queda entre os períodos mencionados.

Questão 8
Habilidade avaliada
(EF07GE06) Discutir em que medida a produção, a circulação e o consumo de mercadorias provocam impactos ambientais, assim como influem na distribuição de riquezas, em diferentes lugares.

Resposta e comentário para o Professor
Verifique se os estudantes identificaram as informações correspondentes à cidade de São Paulo e ao estado, registrando “sem informação” no caso dos anos em que apenas foi informada a população da cidade. A tabela, nesse sentido, ficará com três colunas: ano, estado de São Paulo, cidade de São Paulo. Garanta que os estudantes compreendam como foi vertiginosamente acelerado o crescimento demográfico da cidade, o que certamente pode explicar muitas das deficiências quanto aos transportes, moradias e infraestruturas básicas. No item “b”, espera-se que os estudantes expliquem que a ocupação portuguesa se deu primordialmente no Nordeste e que durante um bom tempo a capital do país fora o Rio de Janeiro, áreas que foram aos poucos perdendo a importância política e econômica para São Paulo (no caso político, para Brasília após 1960), sobretudo com o crescimento das lavouras de café no estado na segunda metade do século XIX e início do século XX, atividade posteriormente substituída pelas indústrias que se estabeleceram em São Paulo e em seu entorno, gerando empregos tanto no setor secundário como no setor terciário da economia.
Questão 9
Habilidade avaliada
(EF07GE07) Analisar a influência e o papel das redes de transporte e comunicação na configuração do território brasileiro.

Gabarito: c
Comentário para o Professor
Espera-se que o estudante demonstre conhecimentos e habilidades tanto relacionadas às características socioeconômicas das regiões brasileiras e na leitura dos dados do gráfico. A internet na região Nordeste em domicílios é, na grande maioria, de banda larga móvel. O território brasileiro tem a maioria dos domi-cílios conectada a banda móvel, isto é, com internet em aparelhos celulares. Os dados do gráfico são ge-neralistas, pois são dados regionais, de maneira que não é possível considerar as peculiaridades de cada município.

Questão 10
Habilidade avaliada
(EF07GE08) Estabelecer relações entre os processos de industrialização e inovação tecnológica com as transformações socioeconômicas do território brasileiro.

Resposta e comentário para o Professor
Verifique se os estudantes compreenderam a linguagem utilizada no mapa para expressar o fenômeno representado, com os pontos que localizam os aglomerados subnormais. Garanta que eles tenham clare-za sobre a definição de “aglomerados subnormais”, caso contrário, aproveite para novamente definir o conceito. Em seguida, espera-se que os estudantes localizem onde estão as maiores quantidades dos aglomerados subnormais e relacionem tal localização com boa parte das capitais estaduais e suas respec-tivas Regiões Metropolitanas. Explique que, a despeito do desenvolvimento econômico dessas regiões, o modo desse desenvolvimento acarreta inversamente crescimento de áreas de pobreza com baixa ou au-sente infraestrutura, seja por um possível crescimento rápido e sem planejamento adequado, seja pelas precárias condições de trabalho e de salário, oferecidas muitas vezes às pessoas que até elas migraram e que, mesmo possuindo emprego ou salário, não conseguem melhorar as condições de moradia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário